O POETA DO PANTANAL

imagespan2

QUEM CONHECE MANOEL DE BARROS O POETA DO  PANTANAL?

A maior riqueza do homem é a sua incompletude.

Nesse ponto sou abastado.

Palavras que me aceitam como sou – eu não

aceito.

Não agüento ser apenas um sujeito que abre

portas, que puxa válvulas, que olha o relógio, que

compra pão às 6 horas da tarde, que vai lá fora,

que aponta lápis, que vê a uva etc.etc.

Perdoai.

Mas eu  preciso ser Outros.

Eu penso renovar o homem usando borboletas.

imagespan1 imagespan3

Aprendo com abelhas do que com aeroplanos.

É um olhar para baixo que eu nasci tendo.

É um olhar para o ser menor, para o

insignificante que eu me criei tendo.

O ser que na sociedade é chutado como uma

barata – cresce de importância para o meu

olho.

Ainda não entendi por que herdei esse olhar

para baixo.

Sempre imagino que venha de ancestralidades

machucadas.

Fui criado no mato e aprendi a gostar das

coisinhas do chão-

Antes que das coisas celestiais.

Pessoas pertencidas de abandono me comovem:

tanto quanto as soberbas coisas infinitas.

imagespan4

///////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////

CAUROSApoesiass2


Anúncios

24 Respostas

  1. Olá meu amigo…
    Tenha um fim d semana de luz e paz.
    Obrgada pelo carinho e deixo um beijo de luz em seu coração.
    Sol Hoffmann

  2. Meu amigo linquei você no blog amarelinho do Bloggerspot, pois não sei como lincar sem er um código no zip net…
    meu endereço no blogerspot é:

    Meu Espaço – http://solhoffmann.blogspot.com

    http://cantinhodabibiu.blogspot.com

    lá você estará como meu amigo pois sei como lincar só com endereços.

    beijinhos de luz!!!
    Sol Hoffmann

  3. Que legal esse poema. A natureza nos dá mais lições valiosas do que as lições que a sociedade nos dá. Para mim, esse poema mostrou uma sensibilidade do poeta em se comover com as pessoas que são chutadas na sociedade como uma barata. Eu também dou muito valor às pessoas, acho que todos somos iguais.

    Beijão!

  4. lindo
    nao conhecia mas vou procurar ler mais

    Jokas

    Paula

  5. Nada como ser múltiplo! Adorei o visual novo do blog; um abraço e ótima semana!

  6. que linda poesia!!
    tá chic o novo visual 🙂
    uma noite de muita paz!!
    bjos..no coração

  7. Caurosa

    Como é gratificante… sentir o envolvimento dos sentimentos… as descobertas do como e dos porquês…
    A cada visita… mais me encanto com a beleza e a grandeza dos teus sentimentos…

    Bjs.

  8. ^^

    adorei a nova roupagem do blog…….lindo!!!

    ………

    o poema é lindíssimo tbm….de mto bem gosto!

    uma boa semana pra ti….de mta luz*****

  9. Uma boa Semana. Boa lembrança do Manoel de Barros( muito bom)
    abçs.
    MAURIZIO

  10. Beso em voce amigo
    Bom dia

  11. Fantástica publicação…Deu pra relaxar então bela contemplação da Natureza!
    Grande Abraço!!!

  12. Intenso contato com a natureza. Paz, tranquilidade. Fiquei até mais calma lendo os poemas, que são mto lindos!

    Abração!

  13. Novo visual aki que legal?Amigo Caurosa Adorei, parabéns, e uma ótima semaninha para vc…

  14. Olá, amigo Carlos!
    Primeiro, parabéns pela mudança, o visual do seu ficou mais bonito ainda; Segundo, grato pelas visitas e sempre gentis comentários, anima a gente a continuar escrevendo… Finalmente, lindas poesias do Manoel de Barros, já finha ouvido falar mas não tinha lido nada ainda.
    Grande abraço, muita paz e um ótimo dezembro pra vc.
    Adh

  15. Pensei que o meu computador estivésse com problemas, depois vi a sua foto e senti um alívio!
    Já li sim alguma coisa deste poeta foi num site do Pantanal, agora posso ler mais ainda. Estou com pouco tempo, mas sempre dou um jeito de ver os meus blogs favoritos como o seu. Um grande abraço

    http://olhares.com/tossan55

    – Gosta de fotografias? Este é só pra amigos. Espero que goste.

  16. Caro Carlos, como a literatura é, há um ano atrás, recebi via email um lindo poema do Manoel de Barros, o poeta de Cuiabá, o titulo da poesia é “O menino que carregava água na peneira”,um clássico da poesia brasileira e para mim,mundial. Me identifquei com este trabalho enviado por esta minha amiga, a escritora Edna Lopes, aliás ela só me enviou tal jóia literária porque disse que relendo-a ela á fez se lembrar de mim. E ao ler “O menino que carregva água ne peneira” concordei com ela, parece que o gênial Manoel de Barros contou ali parte de minha vida, a minha infância. Eu era e sou este menino que até hoje carrega água e sonhos na peneira. Amo o estilo deste bilhante escritor cuiabano. Agora por meio deste teu post,me reencontro com o meu “velho amigo” Manoel. Obrigado por vc promover este reencontro com ele, belo post teu, abraços, e volte sempre ao “Textos e crônicas do anjo das letras”. Até mais.

  17. Olá! Carlos,
    Obrigada pela visita.
    E, em resposta a sua pergunta.
    Eu conheço um pouquinho de Manoel de Barros.

    “O menino aprendeu a usar as palavras.
    Viu que podia fazer peraltagens com as palavras.
    E começou a fazer peraltagens.
    Foi capaz de interromper o vôo de um pássaro
    botando ponto no final da frase. ”

    Abraço,
    Beija-Flor

  18. bom dia poeta,

    lindo dia prá vc!

  19. olá!

    Que lindo! “eu penso renovar o homem usando borboletas”….
    fantásticos.
    Amo a literatura brasileira, não conhecia o poeta, mas curiosa como sou, vou à caçada destes textos brilhantes.

    Abraços,
    ótimo dia

  20. Olá!

    Que legal o poema. Tenha uma ótima quarta-feira. Adorei o novo visual.

    Passa no meu?

    Beijos!

  21. Eu conheci esse ano,adorei a poesia dele.Incompletetude estava, até dias atrás, no meu perfil.Gostei daqui!E tbm gostei muito de sua visita e palavras,obrigada!

    abraço.

  22. O poema é tudo de bom, o Pantanal tbm…adoro a natureza, mato, campo e tudo que assola.
    Ate a musica regional, de viola, e do por do sol…la é muito bom..
    Abraços

  23. Ahhhh que legal vc postou um poema do poeta Manoel de Barros,eu conheço sim, moro no pantanal não tem como num conhecer as obras dele aki,né,rsrsrs por onde a gente passa sempre tem alguém falando sobre ele, as festa aqui sempre tem homenagens a ele,grande Manoel…

    Abraços

  24. Pantaneiro,venha ao meu Pernambuco,aqui os poetas são muitos!

    abraços.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: